TÍTULO DO PROJETO DE TESE: "VALORAÇÃO ECONÔMICO-ECOLÓGICA DE SISTEMAS AGROFLORESTAIS: SERVIÇOS ECOSSISTÊMICOS E A FERTILIDADE DO SOLO EM IMÓVEIS RURAIS DO MUNICÍPIO DE TOMÉ-AÇU"

BANCA EXAMINADORA:

 

Prof. Dr. Antônio Cordeiro de Santana – Orientador - PPGDSTU/NAEA/UFPA

Prof. Dr. Hisakhana Pahoona Corbin – Examinador - PPGDSTU/NAEA /UFPA

Prof. Dr. Sérgio Castro Gomes - Examinador - PPAD/UNAMA

 

Dia 17 de dezembro de 2019 -  9h

Local: Miniauditório NAEA/UFPA

 

TÍTULO DA DISSERTAÇÃO: "Por um ordenamento cívico do território: uma reflexão crítica do planejamento urbano e regional a partir da obra de Milton Santos"

BANCA EXAMINADORA:

Prof. Dr. Saint-Clair Cordeiro da Trindade Júnior - Orientador -   PPGDSTU/NAEA/UFPA

Profª. Dr.ª Edna Maria Ramos de Castro - Examinadora - PPGDSTU/NAEA/UFPA

Prof. Dr. Márcio Douglas Brito Amaral - Examinador Externo - PPGEO-IFCH/UFPA

Profª. Dr.ª Adriana Maria Bernardes da Silva - Examinadora Externa - PPG-IG/Unicamp

 

Dia 16 dezembro de 2019 - 8h30

Local: Miniauditório NAEA/UFPA

 

Foi realizada no último dia 3 de dezembro de 2019 a defesa da Tese de Doutorado de Monique Delamare de Boutteville, na sala de Teses do Espaço Deleuze, na Université Paris 8, Vincennes - Saint-Denis, em Paris, França. A Tese, orientada pelo Prof. Silvio Figueiredo, diretor adjunto do NAEA e pela Profa. Katia Legeret, professora do Doctorat esthétique, sciences et technologies des arts, na universidade francesa, fez parte de um acordo cotutela entre as duas universidades, teve como título “L’art populaire en Amazonie (île de Marajo): la sauvegarde d’un patrimoine immatériel par sa réinvention artistique”, e abordou a criação de dispositivos e processos de criação artística e cultural que se relacionasse com o patrimônio cultural imaterial da ilha do Marajó, sua preservação e salvaguarda, principalmente no que diz respeito às práticas artísticas e culturais tradicionais dos moradores da Ilha, dos contadores de histórias e narrativas orais aos mestres e mestras do Carimbó, dança, música e ritmo paraense. A tese indaga sobre as condições possíveis de salvaguarda dessas práticas e da manutenção das mesmas frente aos processos econômico, político e social em que elas estão inseridas, propondo a ideia de “salvaguarda viva”. A banca da tese foi composta, além dos Professores Silvio Figueiredo e Katia Legeret, pela Professora Larissa Latif, da Universidade de Aveiro, Portugal, pela Professora Claire Joubert, da Université Paris 8, Vincennes - Saint-Denis, França, pelo Professor Fabio Castro, do Naea, UFPA, Brasil, pelo Professor André Helbo, da Université Libre de Bruxelles e pelo Professor Yves Baudelle, da Université Charles de Gaulle – Lille III, que aprovou a tese por unanimidade. Além do júri da tese, os professores Silvio Figueiredo, Fabio Castro e Larissa Latif, além de Monique de Boutteville, participaram também, nos dias 27 e 28 de novembro, do Colloque international  La médiation transartistique au musée par la recherche-création, na mesa redonda Exposer la culture de l’Amazonie au musée: Performances, écologies et actions de sauvegarde dans l’Amazonie Brésiliennenas, nas dependências do Museu Guimet - Musée national des arts asiatiques, em Paris, França.

Marabá recebe Seminário de Economia Política da Amazônia pela primeira vez

Em sua oitava edição, o Seminário de Economia Política da Amazônia (EPA) convida todos a discutir o desenvolvimento, a diversidade e dinâmica territorial na Amazônia Oriental Brasileira entre os dias 4 e 6 de dezembro de 2019, na Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa), em Marabá. As inscrições são gratuitas.

Seguindo sua tradição no debate em Economia Política na/da região, o VIII EPA realiza sua maior edição reunindo em doze mesas-redondas pesquisadores de nove instituições do Brasil e exterior. Em perspectiva interdisciplinar, o evento coloca em pauta temas que relacionam a sustentabilidade e a diversidade social e produtiva nos territórios amazônicos: das experiências concretas de territórios comuns na Amazônia às pressões e transformações na agricultura familiar no planalto santareno, das dinâmicas de produção de commodities aos efeitos econômicos da minerodependência em municípios mineradores.

Das dinâmicas territoriais, o seminário põe em tela os conflitos de atores sociais e seus projetos de desenvolvimento no sudeste paraense, as multidimensões da pobreza na Amazônia Oriental e questões relacionadas à dinâmica econômica e planejamento urbano para pensar alternativas de desenvolvimento para a Amazônia, destacando o Urbano Natural como perspectiva elementar. Em consonância com acontecimentos recentes na região, a programação também propõe discutir as relações entre o mercado de terras e o desmatamento na Amazônia Oriental Brasileira.

Além das mesas de debate, o encontro prevê uma homenagem a Chico de Oliveira, expoente sociólogo brasileiro falecido este ano, além do lançamento da mais recente obra do professor Francisco de Assis Costa, A Brief Economic History of the Amazon em Marabá, revisitando a pesquisa sobre história econômica e social da região, debatendo além das experiências históricas, perspectivas atuais e futuras da Amazônia.

O VIII EPA é realizado pelo Grupo de Pesquisa “Dinâmica Agrária e Desenvolvimento Sustentável na Amazônia” (Dadesa), coordenado pelo Prof. Dr Francisco de Assis Costa, do Núcleo de Altos Estudos Amazônicos (NAEA) em parceria com o Programa de Pós-Graduação em Economia (PPGE) da UFPA e com o Programa de Pós-graduação em Planejamento e Desenvolvimento Regional e Urbano na Amazônia (PPGPAM) da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa). O evento conta ainda com o apoio da CAPES, FAPESPA e de grupos de pesquisa localizados em diversas universidades e instituições como as próprias UFPA e UNIFESSSPA, além da UFT, o INPE, a UFMG, a PUC/RS e a UNB. Voltado para alunos de graduação, pós-graduação, professores e todos os interessados nos debates promovidos, haverá emissão de certificados após o evento.

 

Serviço: Seminário de Economia Política da Amazônia- Desenvolvimento, diversidade e dinâmica territorial na Amazônia Oriental Brasileira.

Datas: 4 a 6 de dezembro de 2019

Local: Campus I e III da Unifesspa

Inscrições: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLScKAMStwXtGqSF1oGRvzdVt7oK6k_FSUJfa5QccuuC2ed7hoQ/viewform

Contatos: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.